Prancha isométrica: benefícios e dicas para começar

Já ouviu falar na prancha isométrica? Então conheça todos os benefícios que ela pode proporcionar e comece a praticar!

 

A prancha isométrica é um exercício que está se tornando cada vez mais requisitado entre as pessoas. E não é por menos: a prancha proporciona inúmeros benefícios para o corpo. Mas, calma… vamos falar sobre eles daqui a pouquinho. Primeiro, que tal entender o que é esse tão falado exercício?

Prancha isométrica: o que é?

A prancha isométrica é um exercício que aproveita os músculos do corpo para exercer força contra um objeto imóvel, mantendo o músculo em uma posição fixa durante determinado período.

Apesar de não exigir muito mistério ou equipamento para a sua realização, a prancha pode ser bem cansativa, principalmente para quem está começando, já que ela exige um certo condicionamento físico para ser concluída com sucesso. Além de ser ótima para exercitar o corpo inteiro, pode ser feita até mesmo em casa, naquele tempinho vago, o que a torna muito mais fácil de ser incluída na rotina.

Agora sim, vamos para os benefícios!

Conversamos com Fabrício Reimberg, professor da Just Fit e olha só o que ele nos falou:

 

1- Seu corpo muito mais forte

Justamente por trabalhar o corpo como um todo, a prancha isométrica consegue deixá-lo muito mais forte. Outro ponto legal é que o exercício trabalha o core, região central do corpo que abrange o abdômen, os quadris e a região pélvica. Uma curiosidade pertinente é que o core é composto por 29 pares de músculos e exercitar esse grupo muscular pode trazer benefícios para o corpo inteiro.

Reimberg complementa: “Com o fortalecimento do core, a prancha ajudará na prevenção de lesões na hérnia de disco, na coluna e na lombar, por exemplo”.

 

2- Melhora a postura e o equilíbrio

Ter um corpo mais forte não é o único benefício da prancha, com uma execução correta você consegue alcançar a tão sonhada postura ideal, afinal, ao fortalecer a musculatura da região central do corpo em conjunto com os músculos abdominais, o corpo naturalmente deixa a sua postura reta por conta da sustentação.

Além disso, você irá melhorar o equilíbrio. O nosso professor explicou: “O desafio de manter-se estabilizado durante o exercício, sem sair da posição, deixará o corpo mais equilibrado com o passar do tempo e da prática”.

3- Motivação para dar e vender

A prancha isométrica envolve em si diferentes níveis de dificuldade e variações, o que dá ao exercício um tom mais desafiador e instigante para a execução e evolução. Reimberg gosta de dizer que o desafio criado trará para você um ganho emocional e motivador.


Adorei os benefícios. Mas, o que eu faço para começar?

Torne a vontade de começar a fazer o exercício realidade e comece devagar para o corpo se acostumar. O professor indica que, nos primeiros dias, você faça com os joelhos apoiados no chão e com o passar do tempo vá aumentando gradualmente a dificuldade. Ele também deu uma dica valiosa:

“O exercício pode ser feito todos os dias. Não conseguimos determinar um tempo específico para cada execução, pois ele varia muito para cada pessoa. Portanto, mantenha a posição durante o tempo que aguentar. Mesmo que o tempo seja baixo, o importante é a estabilização do corpo, deixá-lo todo alinhado, com o tronco reto e sem a elevação do quadril. Isso sim trará benefícios.”

 

E então, já está pronto para incluir a prancha isométrica no treino? Conta pra gente.

 

Está afim de aumentar os seus resultados? Então que tal aprender o que é legal comer depois do treino? Clique aqui!

 

 

 

Compartilhe:
  •  
  • 6
  •  
  •  
  •  

PROCURANDO ALGO

CATEGORIAS

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

ESCOLHA UMA UNIDADE E FAÇA JÁ SUA MATRÌCULA