Posso treinar grávida? E logo após o parto?

Essas são duas dúvidas recorrentes e que geram muitos debates entre as novas mamães do pedaço, não é?! Afinal de contas, pode ou não pode treinar durante a gravidez? E logo após? Faz bem? É saudável? Prejudica o bebê? Esqueça esses questionamentos daqui para frente, vamos colocar um ponto final nessas incertezas!

Treino durante a gravidez

Geralmente, durante o período gestacional, a mulher tem uma sensação contínua de cansaço devido à tantas mudanças hormonais, aumento de líquido e fluxo sanguíneo, além da mudança de eixo do corpo. Logo, os exercícios físicos são grandes aliados para combater essa sensação de fadiga, aumentando a consciência corporal, disposição e até mesmo tolerância à dor. Outros benefícios são: controle de peso e pressão arterial, melhora na postura e até prevenção de diabetes gestacional.

Os treinos durante a gravidez não apresentam nenhum malefício para o bebê desde que sejam feitos com supervisão tanto de um profissional de educação física, quanto de seu obstetra. Atente-se sempre aos sinais de seu corpo; treine com foco e calma, sem forçar seus limites.

Atividades recomendadas para uma gravidez saudável

É recomendável que as gestantes façam treinos de baixo impacto e que os adapte às suas condições físicas.  Alguns exemplos de atividades que podem melhorar a saúde na gravidez são: hidroginástica, ioga, pilates, musculação, treinamento funcional e alongamento. Mas, lembre-se: antes de iniciar algum exercício físico é necessário conversar com o ginecologista sobre a vontade de treinar; só ele sabe exatamente suas condições físicas e poderá te instruir de acordo com a situação.

Treino pós-parto

É importante continuar uma rotina saudável após o parto, já que os exercícios ajudam a recompor os músculos que foram muito exigidos desde o início da gravidez até o momento do nascimento do bebê. Além do mais, eles também proporcionam noites melhores de sono – você vai precisar, rs – e continua evitando doenças como hipertensão e diabetes.

Em geral, mulheres que tiveram filhos de parto normal precisam esperar 15 dias para retomar às atividades físicas, enquanto a cesárea necessita de uma espera de 30 dias. Porém, cada caso é um caso, então não esqueça de perguntar ao seu médico o tempo ideal para você, afinal tudo depende de como foi o seu período gestacional e de como anda a sua recuperação.

Exercícios pós-parto

É hora de retomar à forma, né?! Algumas atividades indicadas que irão te ajudar são: musculação leve, abdominal, pilates, caminhada, corrida, alongamento e ginástica localizada. Procure treinos que combinem a parte aeróbica com alongamento, para tonificar e trabalhar a musculatura abdominal.

Evite: exercícios dentro da água – como natação e hidroginástica – são contraindicados, já que nos primeiros 45 dias (em média) o colo uterino ainda não está totalmente fechado, o que pode causar infecções.

E aí, conseguiu esclarecer as suas dúvidas? Estava com medo de se exercitar? Queremos saber tudo e, principalmente, desejamos que as mamães e os bebês tenham uma vida cheia de saúde e bem-estar!

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

PROCURANDO ALGO

CATEGORIAS

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

ESCOLHA UMA UNIDADE E FAÇA JÁ SUA MATRÌCULA